OS MISTÉRIOS DO EGITO

Postado | 0 comments


O Egito está localizado no extremo noroeste da África e é cortado pelo Rio Nilo ao longo de 1.450 km de seu território, desde o extremo sul na fronteira com o Sudão até ao norte no encontro com o Mar Mediterrâneo. É nas margens do Nilo que se concentram a maior porcentagem de superfície edificada e cultivada. É um dos maiores produtores de algodão de fibra longa, sendo considerado o melhor do mundo. O Egito é um museu aberto, no mundo não existe nada igual. Com suas tumbas, templos e estátuas que atestam a obra atemporal do homem.

Templo de Filae

O outono e inverno são as estações ideais para visitar o Egito, com temperaturas entre 15 e 27 graus. Já no verão no clima é quente, com temperaturas de 27 a 40 graus, e o ar seco e umidade baixa fazem essa sensação aumentar.

Para se visitar o país é necessário visto, que pode ser pago antes da viagem ou no aeroporto na chegada. É recomendado contratar uma empresa de receptivo local, tanto por causa do idioma, como pela segurança.

Para mulheres não é um país seguro para viajar sozinha, pois o assédio nas ruas é muito grande. A orientação é sempre estar com os braços e pernas cobertas.

Na região do Cairo Faraônico podemos encontrar a Necrópole de Gizé, uma das Sete Maravilhas do Mundo, que consiste em A Grande Pirâmide, conhecida como a Pirâmide de Quéops, um pouco menor a Pirâmide de Quéfren, e as relativamente modestas Pirâmide de Miquerinos. A Grande Esfinge encontra-se no lado leste do complexo. O Museu Egípcio do Cairo que guarda a melhor coleção de antiguidades faraônicas do mundo como tesouros e múmias.

Necrópole de Gizé

Na região de Luxor encontramos o Templo de Luxor que foi construído no centro da antiga cidade de Tebas por Amenofis III e dedicado ao deus Amun-Ra, em seguida foi ampliado por Ramsés II. O Templo de Karnak que foi construído há mais de 2 mil anos e cada faraó fez sua contribuição. Abriga uma grande sala hipóstila de 5 mil metros quadrados, considerada a maior do mundo, com 134 colunas. Aqui está o obelisco de 29,5 metros da Rainha Hatsepsut.

Templo de Luxor

O Vale dos Reis estende-se sobre as saias da serra de Guma, nele podemos visitar mais de 60 tumbas de faraós e nobres. A Tumba de Tutancâmon é um dos lugares mais visitados do vale. Contém um dos três sarcófagos de pedras originais com um ataúde de ouro, guardado por macacos pintados na parede.

Templo de Idfu: Dedicado ao deus Horus, é o edifício faraônico melhor preservado. Os cimentos foram colocados em 237 a.C. durante o reino de Ptolomeu II e a construção do templo levou 200 anos. Templo da Rainha Hatsepsut: o imponente tempo foi construído como uma série de grandes terraços com fileiras de colunas quadradas de granito que se mimetizam com as montanhas.

Templo de Hórus

A melhor maneira para conhecer o Egito é navegando pelo Rio Nilo, de Aswan até Luxor é a forma mais fácil de se locomover entre as cidades, o passeio tem duração de 4 dias.

 

Na gastronomia encontramos muitos pratos e doces árabes. Cuidado com o frango! Lá eles comem pombo, então como são bem parecidos… MC Donalds só no Cairo.

Visitar o Egito é uma experiência única, uma viagem que fazemos no tempo.

 

Nosso guia completo já está no site!

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
Fale com a Laki!